Rede Sesi divulga protocolo para reabertura de escolas


A cautela se dá em um momento de altos números de contaminação e mortos pela Covid-19 no Brasil.

rede Sesi – Serviço Social da Indústria já preparou um procolo com medidas de segurança para uma possível retomada das aulas presenciais.

Apesar de ainda não ter divulgado nenhuma data, a instituição preferiu já elaborar o documento para orientar pais, responsáveis, educadores e toda a classe de profissionais.

Kit Alfabetização Só Escola

A cautela se dá em um momento de altos números de contaminação e mortos pela Covid-19 no Brasil. É mais uma das organizações escolares que se preocupa com o assunto, sendo que muitas delas já tem um panorama desfavorável para a retomada ainda em 2020.

Municípios da grande SP, por exemplo, já decretaram que as aulas só voltam a ser presenciais em 2021.

A rede Sesi por outro lado, ainda não dá certeza, mas por meio de uma reunião com os pais, foi definido que, por ora, as aulas continuarão sendo de reforço por meio da internet.

Kit Só Escola Autismo

Protocolo divulgado pelo Sesi

De acordo com a rede Sesi, o protocolo foi montado com a ajuda de profissionais da saúde que compõem o quadro da própria instituição.

É um conjunto de diretrizes que se baseia nas já conhecidas orientações de órgãos de saúde internacionais e nacionais, como a OMS – Organização Mundial da Saúde.

Nesse documento também é exposto que as escolas devem seguir as determinações tanto dos governos do estado quanto das cidades em que elas estão instaladas. Ou seja, é um conglomerado de regras para se atentar e evitar ao máximo a disseminação do novo coronavírus.

Mapeamento de alunos deverão retornar às aulas

Segundo a rede Sesi, outra tarefa incumbida às unidades escolares é de realizar um mapeamento entre os pais dos estudantes para saber quais alunos poderão retornar às salas de aula.

Quando por ventura as aulas presenciais voltarem de fato, esse protocolo deverá ser exposto em todos os ambientes das unidades. Entre as principais normas está a quantidade máxima de pessoas permitidas para cada espaço das escolas. Uma lista de sintomas da covid-19 e formas de prevenção também estarão fixadas nas salas, corredores, etc.

A orientação é de que o uso de máscara será obrigatório dentro dos 526 centros de educação. O protocolo também determina que funcionários e alunos tenham a temperatura aferida sempre que entrarem no ambiente escolar.

O retorno dos alunos  também não poderá ocorrer por completo. A presença das turmas em sala deverá ser parcelada. Assim, parte deve permanecer em casa enquanto outra está na escola, com uma inversão periódica dos grupos.



  • Deixe um Comentário