O mau humor em crianças é um sinal de inteligência
Crianças, Dicas, Pais e Filhos

O mau humor em crianças é um sinal de inteligência


O mau humor em crianças é um sinal de inteligência: O mau humor não precisa ser algo negativo.

Há crianças que reagem de forma abrupta a situações diferentes, passam a maior parte do tempo de mau humor e se irritam com facilidade. São crianças muito sensíveis e hiperreativas que lutam para controlar suas emoções e seu mau caráter. Na verdade, é comum estar chateado com as pessoas ao seu redor, incluindo os pais, que muitas vezes não sabem como lidar com esse tipo de comportamento e se preocupam com o fato de que, a longo prazo, ele pode se tornar um problema.

 No entanto, embora esse tipo de comportamento não seja negligenciado, a verdade é que, por trás do mau humor das crianças, pode ocultar uma inteligência excelente e um pensamento objetivo. Isso foi confirmado por um estudo realizado na Universidade de Nova Gales do Sul, na Austrália. A pesquisa, publicada na revista Australasian Science, revelou que o mau humor ajuda a pensar mais claramente, exatamente o oposto do que acontece quando somos excessivamente otimistas.

O mau humor em crianças é um sinal de inteligência

O professor de psicologia e especialista em emoção, que foi responsável pelo estudo, Joseph Forgas, realizou uma série de experimentos nos quais ele pediu aos participantes que assistissem alguns filmes que evocassem diferentes emoções e lembrassem de eventos positivos e negativos em suas vidas. Em seguida, ele os submeteu a uma série de testes em que eles tiveram que oferecer detalhes como testemunhas oculares de certos fatos ou oferecer sua opinião sobre a veracidade de alguns mitos urbanos.

Ao analisar os resultados, Joseph Forgas descobriu que, quando os participantes estavam bravos, ficaram mais atentos, cometeu menos erros, mostraram um pensamento mais reflexivo e desenvolveram uma maior capacidade de consertar os fatos. Da mesma forma, aqueles que se irritaram mais tomaram melhores decisões, ficaram mais incrédulos e enfrentaram situações complicadas de forma mais assertiva, em comparação com aqueles que conseguiram regular suas emoções negativas e permaneceram sempre otimistas.

O mau humor em crianças é um sinal de inteligência

Na prática, esse experimento demonstra que o mau humor estimula a memória e melhora o processamento da informação e a capacidade de análise, ao desenvolver a capacidade de tomar decisões com maior objetividade e julgar os outros sem prejuízo. Na verdade, aqueles que se irritam mais frequentemente desenvolvem estratégias de processamento de informações mais adaptativas e objetivas.

Como controlar o mau humor das crianças sem limitar sua inteligência?

Tudo indica que o mau humor pode se tornar um ótimo aliado para o desenvolvimento das habilidades cognitivas das crianças. No entanto, o mau humor também tem um lado negativo: as crianças mal-humoradas tendem a ter menos capacidade de autocontrole, desenvolvem menos estratégias para resolver conflitos e, conseqüentemente, têm um círculo menor de amigos. A longo prazo, o mau humor pode levar a um transtorno de conduta, que afeta não só a criança, mas também a sua volta.

Para reduzir esses riscos e aproveitar as vantagens cognitivas que traz o mau humor, o ideal é ensinar as crianças a controlar suas reações negativas desde uma idade precoce. É importante ensiná-los a se expressar com palavras e não a gritar ou vencer, bem como a evitar situações ou pessoas que as irritam. Eles também devem aprender a canalizar suas emoções, seja distanciando-se da situação que os irrita, seja ao praticar técnicas de autocontrole emocional.

Para concluir, vale a pena esclarecer que essas estratégias só serão eficazes se as crianças tiverem um bom exemplo em casa. Se as crianças percebem que seus pais se irritam com freqüência e perdem o controle, eles provavelmente assumirão que essa reação é normal e acabam imitando-a. Portanto, se você quer que seu filho não fique tão irritado, você deve se tornar seu modelo.


O mau humor em crianças é um sinal de inteligência
Qualifique está postagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *