Crianças, Dicas, Dicas para Educadores, Dicas para os País, Pais e Filhos

Consequências de ter um pai distante


Consequências de ter um pai distante: Descubra as consequências de crescer com um pai distante.

Talvez você tenha vivido ou tenha visto em outro as conseqüências de ter um pai distante. Sabemos que ter uma mãe distante pode criar problemas de desenvolvimento em crianças, mas ter um pai distante também pode ser realmente negativo. Um pai distante pode ser devido a uma doença mental, um transtorno de personalidade, um problema de infância, etc.

Seja como for, se você tem um pai emocionalmente distante, isso pode levar a uma vida instável, falha e necessidade emocional. É possível que, durante a sua infância, tenha sentido lacunas emocionais vazias, confusão de identidade, dependência emocional em relação aos outros, baixa auto-estima, etc. Há investigações que identificam a importância de todos os bebês e crianças terem uma figura mãe do lado deles, mas também o calor do amor de um pai. Bebês e crianças precisam de uma figura de anexo durante os primeiros anos de desenvolvimento. 

Sem uma figura parental adequada, as crianças são mais propensas a desenvolver personalidade múltipla, ter dificuldades emocionais e psicológicas. A falta de uma figura paterna amorosa pode se traduzir em problemas psiquiátricos, dificuldades acadêmicas, medo do abandono e muitos outros problemas emocionais. Ter um pai que não está emocionalmente disponível, sem dúvida, pode criar conseqüências de desenvolvimento.

Veja Ainda: Os maus exemplos que os pais dão a seus filhos

Consequências de ter um pai distante

Os pais que são emocionalmente inacessíveis geralmente são imaturos e são afetados psicologicamente. Pais distantes muitas vezes têm problemas desde a infância e não são capazes de lidar com suas próprias necessidades emocionais e psicológicas. Como resultado de tudo isso, os pais rejeitam seus filhos, distanciam-se emocionalmente e tornam-se egocêntricos ou narcisistas . 

Os filhos de pais distantes tornam-se emocionalmente independentes e também distantes, algo que indubitavelmente irá repetir um padrão de comportamento no futuro devido à falta de consciência em si mesmos. Crianças com pais distantes afundam no desespero do vazio emocional.

Consequências de crescer com um pai emocionalmente distante

  • Falta de vontade
  • Falta de flexibilidade diante de novas situações
  • Baixa tolerância ao estresse
  • Instabilidade emocional
  • Agressividade
  • Falta de empatia
  • Limites médios nas relações interpessoais
  • Relações instáveis ​​com outros
  • Precisa chamar a atenção
  • Sintomas de depressão ou ansiedade
  • Egoísmo
  • Possibilidade de abuso de drogas
  • Falta de identidade
  • Perda de esperança

Mas, além disso, podemos encontrar outras conseqüências que, sem dúvida, podem afetar negativamente a vida das pessoas que tiveram que crescer ao lado de um pai emocionalmente distante.

Consequências de ter um pai distante: Fracas relações interpessoais

A infância afeta diretamente os relacionamentos com os outros e a maneira como eles interagem com os outros. Se você foi amado e cuidou adequadamente, é provável que você possa ter esses traços em sua vida adulta. Se você viveu uma infância de abuso e negligência, é mais do que provável que você desenvolva essas características na vida adulta ou que você esteja sempre à defensiva ou que proteja demais os outros. Os relacionamentos tornam-se instáveis ​​e você provavelmente terá problemas com os outros.

Leia também: Comportamentos ansiosos dos pais passam para seus filhos?

Consequências de ter um pai distante: Tenha medo do amor e do compromisso

As crianças que vivem com um pai distante provavelmente se tornarão adolescentes e depois adultas que lutam com suas próprias emoções e quem tem medo de amor e compromisso. Eles têm dificuldades para se conectar emocionalmente com os outros. Quando uma pessoa não experimentou amor na infância, nem o carinho ou proteção de um adulto amoroso, será mais provável desenvolver uma atitude de defesa e mecanismos de proteção.

Consequências de ter um pai distante: Traços de personalidade narcisista ou limítrofe

O transtorno de personalidade narcisista e o transtorno de personalidade limítrofe são dois distúrbios que podem afetar negativamente a todos em relação à vítima. Humor emocionalmente instável pode levar a argumentos freqüentes, paranoia, culpa, agressão verbal ou mesmo física. Sem terapia adequada, qualquer um desses dois distúrbios pode desestabilizar qualquer família e relacionamento interpessoal.


Consequências de ter um pai distante para um criança.

Fonte do site ETAPA INFANTIL – Traduzido por – SÓ ESCOLA.



One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Secured By miniOrange