Crianças, Dicas, Filhos, Pais e Filhos

Pare de culpar os outros pelas dificuldades do seu filho


Pare de culpar os outros pelas dificuldades do seu filho… Educação SEMPRE começa em casa.

Você é o tipo de pai ou mãe que culpa todos por dificuldades do seu filho e você não consegue ver a realidade? Talvez você tenha surpreendido às vezes dizer que a culpa de que seu filho se comporta mal na escola é a professora ou se ela melhor controle o comportamento de seus alunos, não haveria tantos problemas na escola … Mas a realidade é esse problema ou as dificuldades do seu filho não serão resolvidas jogando bolas fora. 

Não deixe de ver: Se sua mãe for rigorosa, você terá mais sucesso na vida.

Embora seja possível que às vezes outras pessoas possam contribuir para os problemas do seu filho, não é uma boa ideia tentar culpar os outros exclusivamente pelas coisas que seu pequeno faz … Isso fará com que seu filho sempre tome o caminho fácil e acredite que ele ele não tem responsabilidade suficiente para se encarregar de seus próprios atos, e ele sempre acusará outros de seus erros. Isso não o ajudará a crescer. Por que ele deveria assumir a responsabilidade por suas ações se ele pudesse culpar os outros?

Pare de culpar os outros pelas dificuldades do seu filho

Tenha cuidado para separar o fato do realizador:

Eles dizem que varas e pedras podem quebrar os ossos, mas as palavras nunca podem doer … Isso não é verdade, as palavras podem doer emocionalmente ainda mais do que bastões e pedras. As crianças que repetidamente ouvem coisas ruins sobre si mesmas (rótulos) acabam acreditando que são realidade e se comportam de acordo com essas palavras.

Seja qual for o comportamento do seu filho, você nunca o rotulará nem o chamará de “ruim”, “preguiçoso”, “preguiçoso”, “travesso” ou pior. Qualquer palavra ou rótulo negativo pode ser muito prejudicial e permanecer na sua memória para sempre.  Se você começar a dizer coisas como, ‘Você é um vagabundo, por que você não pode limpar o seu quarto?’ ou talvez: ‘Você é burro ou o quê? Já lhe falei mil vezes. Essas frases que parecem inofensivas podem se encaixar profundamente na personalidade de seus filhos.

Quando uma criança tem um comportamento ruim, não culpe os outros, mas tampouco o seu filho. Você deve olhar para o comportamento e não personalizar o que aconteceu nas pessoas … Se isso acontecer, sua personalidade pode ser seriamente afetada.

Em vez disso, quando você ajuda seu filho a resolver problemas de vários comportamentos negativos, você pode criar um clima agradável onde seu filho se sentirá amado apesar do que ele fez e poderá consertá-lo, aceitar o que aconteceu, assumir a responsabilidade e também melhorar para o futuro.

Não culpe os outros ou o seu filho

Não culpe os outros ou o seu filho por seu comportamento negativo, veja o que está fazendo ou diga que você faça isso acontecer. Você é o exemplo dele e também quem define as regras e os limites em casa. Por exemplo, se o quarto do seu filho ainda é uma bagunça, você pode dizer algo como: “Na noite passada eu tropecei em seus brinquedos porque todos estão deitados no chão. O que podemos fazer para que isso pare de ser um problema? Se você pedir a opinião do seu filho e envolvê-lo na situação, você pode encontrar a solução e melhorar o resultado.

Apontar outros também fará seu filho fazê-lo. Da mesma forma, acontece se você cometer erros e tentar jogar bolas do que aconteceu e você não quer assumir suas responsabilidades … Seu filho aprenderá esse comportamento e, claro, ele irá imitá-lo. É necessário que você seja um bom exemplo para o seu filho e não sinalize outros por seus próprios erros ou erros. Assuma a responsabilidade e pergunte perdão ou desculpe sempre que necessário (seus filhos também).

Fonte do Texto – Etapa Infantil – Escrito por: Mª José Roldán
Traduzido por SÓ ESCOLA

Pare de culpar os outros pelas dificuldades do seu filho


Se gostou da postagem,“Pare de culpar os outros pelas dificuldades do seu filho” deixe sua avaliação, isso é muito importante para nós. Faça isso deixando um comentário com sua opinião e sugestões para outras postagens.


One Comment

  1. Essa página é muito boa só lamento esse tento de propaganda que vem nela e mal nos deixam ler as matérias, não tem como deixar ela mais limpa? Sem tantos anuncios?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *