O que fazer quando as crianças estão com raiva?


O que fazer quando as crianças estão com raiva? Lidar com a raiva de uma criança exige primeiro descobrir o que você sente no momento em que você é assim. 

Sentindo-se bravo é normal, mas para ajudá-los a melhorar, você deve perguntar o que aconteceu ou porque você pensa que é assim. Por outro lado, eles podem precisar de sua ajuda para citar seus sentimentos. Um pai pode responder a uma criança que bate seu irmão perguntando por que ele o atingiu.

Confira também: A importância de ouvir os sentimentos das crianças

Kit Alfabetização Só Escola

Talvez outras crianças na escola o espancem e seu filho está aprendendo a fazer o mesmo. Eles podem aprender com você se você bater ou punir com raiva. Explique que a raiva está bem (ou seja, diga algo como:  “Eu sei como você se sente, fico com raiva às vezes”). No entanto, explica que a agressão (como golpear um irmão) não está certa. maneiras de expressar a raiva de seus filhos para adquirir essas habilidades. Por exemplo, você pode dizer algo como: “Eu faço isso quando estou com raiva”.

Não basta dizer NÃO fazer

Não pare dizendo ao seu filho o que fazer, você precisa aprender o que fazer quando se sente assim. Por exemplo: “Quando você está com raiva, não toque seu irmão, venha e me diga o que aconteceu para que possamos encontrar uma solução juntos” . Mas não caia no erro de punir a ira porque você não gosta da agressão, a agressão é errada e você deve recuperá-la, mas é necessário ensinar-lhes a assumir a responsabilidade por suas ações.

Kit Só Escola Autismo

A punição não é a maneira mais eficaz de comunicar às crianças o que esperamos delas. Explicar, modelar e definir regras é muito mais eficaz. Aguarde que seu filho quebre uma regra três ou quatro vezes. É assim que eles aprendem quais regras são sérias, que regras devem seguir sem exceção e que podem ser quebradas em certas circunstâncias. Romper as regras nem sempre é feito com raiva ou raiva, é uma maneira de as crianças aprenderem e testar o mundo ao seu redor.

O que fazer quando as crianças estão com raiva?

Não perca algumas das seguintes dicas para lidar com uma criança com raiva. São idéias úteis, mas não são imóveis. Todo filho e cada circunstância é um mundo diferente, por isso é necessário adaptar algumas dessas dicas à circunstância de você estar vivendo.

Discutir o comportamento quando é bom

Dizendo às crianças coisas como: “Eu gosto do que você disse ao seu irmão quando ele conseguiu suas coisas” é melhor do que esperar que ele se comporte com tanta miséria para apontar comportamentos negativos. Se você observar e envolver-se em encontrar as coisas boas sobre o comportamento de seus filhos, seu comportamento irá melhorar.

Ignore comportamentos inadequados que possam ser tolerados

Se, por exemplo, seu filho está incomodando enquanto conversa ao telefone, você pode louvar o que você gosta: “Gostei quando esperei enquanto conversa no telefone, agora que desliguei, o que você queria, querido?” Ao mesmo tempo e na mesma situação, você deve ignorar o que não gostou (isso incomodou você enquanto falava ao telefone).

Não grite

Se você gritar com seus filhos para ficar quieto ou para escutar você, eles aprenderão que se você gritar mais alto, você vai prestar atenção a eles, você estará reforçando o mau comportamento de gritar. O grito chamará atenção e quando precisarem de algo, eles gritarão mais alto para se certificar de que você preste atenção neles. Seus filhos não querem incomodá-lo, eles simplesmente estão aprendendo que gritar é a maneira mais eficaz de chamar atenção porque você faz o mesmo.

Diga NÃO com clareza e firmeza

É importante dizer NÃO de forma clara e firme quando necessário. Os limites devem ser claramente explicados e aplicados de forma consistente. É claro que você não deve dar negativo o tempo todo, às vezes é importante ser flexível, mas as crianças devem entender por que, às vezes, o “não” é necessário. Às vezes, é aceitável quebrar as regras e às vezes não.


O que fazer quando as crianças estão com raiva?

Com Informações do site ETAPA INFANTIL – Traduzido por – SÓ ESCOLA



  • Deixe um Comentário