Início Autismo UMA REALIDADE – CARTILHA SOBRE O AUTISMO

UMA REALIDADE – CARTILHA SOBRE O AUTISMO

139
0
COMPARTILHAR
UMA REALIDADE - CARTILHA SOBRE O AUTISMO
CARTILHA SOBRE O AUTISMO
  • AUTISMO UMA REALIDADE

    Autismo e Realidade procura favorecer a busca e a divulgação do conhecimento acerca do Autismo, com o objetivo de melhorar a capacidade de adaptação e qualidade de vida das pessoas com autismo e seus familiares.
  • A Autismo & Realidade apresenta a Cartilha “Autismo: Uma Realidade”, desenvolvida em parceria com o cartunista Ziraldo, a partir de uma sugestão do Prof. Alysson Muotri, para uma conversa dirigida a professores, pais e profissionais de saúde, visando identificar e encaminhar o aluno para o possível diagnóstico de autismo, bem como sua conduta em sala de aula.
  • A cartilha é recomendado para pais e educadores.
Quando uma nova vida chega em nossas vidas, nos traz alegria…
…desejos, esperanças, preocupações…
…E todo momento deve ser de atenção ao desenvolvimento desta nova vida. Nos primeiros carinhos com a mãe… Nos primeiros passos pelo caminho… Nas primeiras palavras ao mundo…
Mas a fase das primeiras letras, nas escolas, é uma grande oportunidade para observar o desenvolvimento da criança…
… e saber se ela enfrenta esse tipo de problema que, apesar de comum, ainda é pouco conhecido: O AUTISMO Ou transtornos do espectro autista (TEA).
O autista nasce com um transtorno neurobiológico, ou seja, uma alteração no desenvolvimento que faz com que ele tenha dificuldades no relacionamento com as pessoas e com o ambiente onde vive. Ele precisa, assim, de ajuda para se desenvolver e superar suas limitações.
COMO O PROFESSOR PODE SABER SE O ALUNO  TEM AUTISMO? OBSERVANDO ESTES SINAIS…
  • O aluno evita contato visual?
  • O desenvolvimento da linguagem parece diferente?
  • O aluno não responde quando é chamado? Parece até surdo?
  • Fica fazendo movimentos repetitivos sem motivo aparente?
  • Costuma mexer com os dedos e as mãos de forma peculiar?
  • Repete frases e outros conteúdos que ouviu em filmes e desenhos animados?
  • Costuma emitir sons e palavras repetidas, fora do assunto?
  • Isola-se dos colegas sem motivo?
  • Confunde-se com frases de sentido figurado e leva tudo ao pé da letra?
  • Comunica-se melhor apenas quando fala de temas de seu interesse?
  • Brinca com os objetos e brinquedos de maneira inusitada?
  • Reage excessivamente a barulhos altos ou a contato físico?
  • Tem pouca noção de situações perigosas?
  • Parece ter reduzida capacidade de abstração, ou seja, imaginar?
  • Apresenta interesse exagerado em assuntos muito específicos? Segue rotinas próprias muito rígidas?
  • Incomoda-se quando foge da rotina?
Se apresentar alguns desses comportamentos, pode ser que seu aluno seja autista.
O AUTISMO TEM CURA? O autismo, no momento, não tem cura, mas estão sendo feitas pesquisas sobre o cérebro para buscar novos tratamentos. Autismo não se transmite e não é causado por hábitos nem acidentes.
O QUE O PROFESSOR DEVE FAZER? Encaminhe a criança ao serviço de saúde, procurando o setor de Saúde Mental Infantil.
QUAL é O TRATAMENTO? Antes de mais nada, o autista precisa de muito amor, carinho e atenção. Ele deve ser respeitado, incluído no meio social e estimulado a acreditar em seu potencial. Seu aluno autista pode também desenvolver um talento especial e contribuir para a turma como qualquer outro aluno.
Uma equipe formada por vários profissionais – pediatra, psiquiatra, neurologista, psicólogo e fonoaudiólogo – deve prescrever e orientar o tratamento. Mas é a união da escola com a família a medida mais importante para a melhoria de vida da criança autista.
Quanto mais cedo for feito o diagnóstico e iniciado o tratamento do autismo, melhor para o desenvolvimento da criança.

CARTILHA AUTISMO: UMA REALIDADE

Nesta conversa desenhada, queremos falar com vocês, professores, pais, mães e profissionais de saúde, sobre milhares de crianças que estão precisando de sua atenção para começarem a ultrapassar as barreiras do autismo. como ajudá-las? e como é, na realidade, o autismo? Leia nesta cartilha.

São 27 páginas !  O arquivo se encontra em PDF 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here