Início ATIVIDADES Turistas Gigantes | Interpretação de texto

Turistas Gigantes | Interpretação de texto

105
0
COMPARTILHAR


ATIVIDADES, Atividades de Português, Atividades 4º Ano, Atividades 5º Ano, Atividades de Interpretação, Atividades para Professores, Atividades para Imprimir

Turistas Gigantes 

Muito
antes dos portugueses chegarem ao Brasil e dos povos indígenas habitarem a
nossa terra, as baleias-jubarte, verdadeiros gigantes marinhos, já visitavam,
anualmente, o litoral brasileiro, mais especificamente a região de Abrolhos, no
sul da Bahia, para acasalar e ter seus filhotes. Acontece que desde o século
XVII, as jubarte foram muito caçadas e hoje restam cerca de 15% da população
original, calculada em 300 mil baleias.
           
No Brasil Colonial, as jubarte eram abatidas de forma artesanal. Relatos
históricos contam que vários pescadores saíam em pequenas embarcações, munidos
de simples arpões e de muita coragem. Quando conseguiam atingir seu alvo eram,
muitas vezes, arrastados pela força desses mamíferos gigantes. As baleias eram
abatidas por causa de sua banha, que resultava num óleo muito utilizado para a
iluminação das casas e das ruas. Além disso, o óleo também era utilizado para
dar liga a uma espécie de massa usada na construção das casas. Até hoje você
pode  ver casas construídas com argamassa de baleia, em cidades históricas
como Caravelas, na Bahia, ou Parati, no litoral do Rio de Janeiro. A carne não
era apreciada pelos brasileiros e, por isso, costumava ser descartada.
No início
do século XIX os equipamentos de pesca começaram a ser aperfeiçoados até chegar
ao século XX com grandes barcos a motor, chamados de navios-fábrica, e arpões
explosivos, que possibilitavam a morte de muitas baleias em um só dia. Felizmente,
naquela época, a pesca da baleia diminuiu no Brasil porque a descoberta da
energia elétrica e a utilização de produtos como o cimento acabaram com a
necessidade do óleo da baleia. Outros países, no entanto, consumidores de carne
de baleia, continuavam a caçar a todo vapor. Em 1931, somente na estação de
caça, 30 mil baleias-azuis foram mortas. Em 1986, a Comissão Baleeira
Internacional
(CBI) declarou uma moratória (parada obrigatória) de caça de
baleias por tempo indeterminado e, em 1987, a pesca de qualquer tipo de baleia
foi proibida em território brasileiro. Acontece que, mesmo com as proibições,
alguns países como Japão, Noruega e Islândia continuam, até hoje, suas
atividades predatórias, sem se importar com o fato de que todos os tipos de
baleia se encontram, atualmente, na lista de animais ameaçados de extinção.

Fonte: Revista Zá. Ano IV no. 3

Vamos agora fazer as questões ?

QUESTÕES:

1. a. O texto
lido foi publicado em uma revista que costuma abordar assuntos curiosos e
interessantes e tem como título  “Turistas Gigantes”. Em
sua opinião, por que o texto tem esse título?
b. Se você
tivesse que dar outro título para o texto, qual você daria?
2. No Brasil colonial as
baleias Jubarte eram abatidas por causa de sua banha. De que formas o óleo
resultante da banha das baleias era utilizado naquela época?
3. Releia o
trecho retirado do texto:
“Em 1931, somente na estação de caça, 30 mil
baleias-azuis foram mortas. Em 1986, a Comissão Baleeira Internacional (CBI)
declarou uma moratória (parada obrigatória) de caça de baleias por tempo
indeterminado e, em 1987, a pesca de qualquer tipo de baleia foi proibida em
território brasileiro.”
Agora
responda:
a. O que é
CBI?
b. O que é
moratória?
4. Apenas
as baleia jubarte estão em extinção? Copie a seguir um pequeno trecho do texto
que justifique sua resposta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here