A importância da motivação em sala de aula


A importância da motivação em sala de aula
A importância da motivação em sala de aula
Resumo: O ambiente escolar é um espaço rico em interações sociais portanto a importância da motivação em sala de aula é um grande meio pelo qual se realiza o processo ensino-aprendizagem.
Cabe ao professor facilitar a construção do processo de formação. Uma boa relação entre professor e aluno é essencial  para um bom rendimento escolar que  darão aos alunos espírito de liderança, confiança e motivação, no que dizem, fazem e pensam.

Palavras-chave: Motivação, Relação professor-aluno.
No processo ensino-aprendizagem a motivação é fator fundamental, cabe ao professor procurar meios que estimulem os interesses dos seus alunos pelas aulas.
É a partir de uma boa convivência que se estabelece a confiança, o respeito e a harmonia entre os indivíduos, nesse caso, o aluno compreendido é aceito não só pelo professor como também por  seus colegas, certamente desempenhará suas funções escolares com mais prazer e eficiência.
Pode-se afirmar que a aprendizagem acontece por um processo cognitivo imbuído de atividades, relação e motivação. Assim, para aprender é imprescindível poder fazê-lo, o que faz referências as capacidades, aos conhecimentos e as estratégias necessárias, para isso é necessário “querer” fazê-lo, ter a disposição, a intenção e a motivação suficiente.
A motivação é um processo que se dá no interior do sujeito, estando, entretanto, normalmente ligado as relações de troca que o mesmo estabelece com o meio , principalmente seus professores e colegas.
Uma das grandes virtudes da motivação em sala de aula , é melhorar a atenção e a concentração do aluno, nessa perspectiva pode-se dizer que a motivação é a força que move o sujeito a realizar atividades de maneira satisfatória.
É de suma importância que o professor conheça o processo de aprendizagem e esteja interessado nos alunos, como seres humanos em desenvolvimento intelectual e social. O professor precisa saber como são seus alunos com suas famílias,  dependendo da relação social do aluno com o seu meio fora da escola, percebe-se o porquê do atraso escolar ou o bom desempenho na sala de aula.
Alunos e professores devem ser considerados parceiros, buscando sempre equilíbrio para o desenvolvimento intelectual principalmente para o aluno, objetivando êxito escolar.
De acordo com os estudo de Fia (1999 p. 77), “a motivação é um conjunto de variáveis que ativam a conduta e as orientam em determinado sentido para alcançar um objetivo”.
Entretanto , saber motivar para a aprendizagem escolar não é fácil, o aluno é alguém que se move por diversos motivos e emprega energia diferencial em tarefas que realiza. O professor pode aproveitar algum recurso transitório para uma situação de aprendizagem específica, mas,sobretudo trata-se de um instaurar processos motivacionais que tendam a realimentar-se nos alunos.

 

Autora: DANIELLA LEITE DE ALMEIDA (Graduada em Pedagogia)


  • Deixe um Comentário