Início Planejamento de Aula PLANO DE AULA DE PORTUGUÊS – ‘Vida de Droga’: polêmica

PLANO DE AULA DE PORTUGUÊS – ‘Vida de Droga’: polêmica

86
0
COMPARTILHAR

PLANO DE AULA DE PORTUGUÊS - 'Vida de Droga': polêmica

Ponto de partida

Leitura do livro “Vida de Droga”, de Walcyr Carrasco.

Objetivos

1) Trabalhar temas polêmicos com os alunos (o livro é Indicado especialmente a partir da sétima série). Aproveite como atrativo o fato do autor, Walcyr Carrasco, ser conhecido pelas novelas de TV que escreve;
2) Explorar o envolvimento de muitos adolescentes com as drogas. Por meio de uma obra de bastante impacto, deve-se abordar as conseqüências físicas, emocionais e sociais do uso de drogas;
3) Debater o tema de maneira que cada aluno exponha seu ponto de vista;

Resumo da obra

O livro se baseia na protagonista Dora, uma adolescente de classe média alta que sempre conseguiu tudo o que queria. Quando surge a crise, com o desemprego de seu pai, Joel, o cenário se modifica.
Conjugando a curiosidade de experimentar com o clichê: “só um cigarro não vai me viciar”, ela entra na roda das drogas. Depois da maconha, vem a cocaína e, em seguida, o crack.
Para sustentar o vício, Dora pede esmolas, envolve-se num assalto e com a prostituição. A jovem passa a morar nas ruas e seus amigos desistem de apoiá-la.
“Vida de Droga” propõe um tema difícil, tratado com sensibilidade e emoção.

Estratégias

1) Crie grupos de debates: além de discutir o problema das drogas, pode-se debater também o problema do desemprego e a queda do padrão de vida das famílias brasileiras;
2) Faça parcerias com os professores de ciências, história e geografia para promover uma semana que trate da questão das drogas de forma interdisciplinar. Proponha aos alunos para criarem painéis destacando os diversos tipos de drogas, suas conseqüências, sintomas, periculosidade e tratamentos. Solicite ainda para que mostrem a diferença entre as drogas lícitas e ilícitas. Peça também que abordem as questões sociais e que pesquisem o “caminho” da tráfico de drogas no Brasil e no mundo.
*Fátima Rodrigues
é professora de língua portuguesa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here