Estudo afirma que enjoos na gravidez indicam que a criança terá um QI alto


Estudo afirma que enjoos na gravidez indicam que a criança terá um QI alto – Um belo dia, você acorda com náuseas. Corre ao banheiro enjoada e se pergunta o que pode estar acontecendo. Vai até a farmácia e confirma as suspeitas: está grávida! Você e sua família vibram de emoção, mas existe um pequeno, porém incômodo detalhe: as náuseas não desaparecem. Você experimenta todo tipo de remédios caseiros para ver se o problema acaba de vez, mas nada funciona. Será que esses enjoos têm algum propósito?

O Incrível.club sabe o quanto os enjoos durante a gravidez são incômodos, mas traz boas notícias sobre o assunto: um estudo apontou que os hormônios que causam náuseas pela manhã são os mesmos relacionados a um maior desenvolvimento cerebral nas crianças. E o que isso significa? Continue lendo para descobrir.

Mal-estar com um propósito

Além da boa notícia de saber que um novo integrante chegará à família, um estudo publicado no The Journal of Pediatrics revelou que a frequência das náuseas típicas da gravidez é um ótimo sinal de um quociente de inteligência (QI) alto na criança. Além disso, a maior intensidade dos enjoos aponta para uma inteligência acima da média. A pesquisa envolveu 121 mulheres que engravidaram entre 1998 e 2003, e os níveis de QI das crianças foram analisados quando elas tinham entre 3 e 7 anos de idade.

Resultados a longo prazo

Outros estudos, como um publicado na revista JAMA Internal Medicine, já tinham revelado que as náuseas matutinas são bom sinal durante a gravidez, pois têm a ver com um menor índice de abortos. Digamos que essas sensações funcionariam como uma proteção, pois indicam que os níveis de hormônios estão altos o suficiente para manter a gravidez. Porém, essa foi a primeira vez em que foi traçado um paralelo entre os enjoos da futura mamãe e a inteligência do filho após o nascimento.

Desenvolvimento neural à máxima potência

Claro que as náuseas matutinas não são nada agradáveis, mas saber que elas têm um significado positivo muda toda a situação. Filhos de mães que sofreram com mal-estar nas manhãs demonstraram, por meio de testes, ter melhores habilidades de memória e de linguagem.

 E os pesquisadores deixaram claro que a ausência de náuseas matinais durante a gravidez não quer dizer que a criança será menos inteligente, apenas que o aumento da Gonadotrofina Coriônica Humana (hGC), provável explicação para a ocorrência do mal-estar, criaria um ambiente ideal para a placenta e para que haja um melhor desenvolvimento neural nas crianças.

Tudo passa

Esse estudo dá novas esperanças e uma pitada de conforto para as mulheres que sofrem com enjoos matinais no início da gravidez. Vale ressaltar que, a partir da 14ª ou 16ª semana, a rotina da futura mãe é tomada pelas sensações de sonolência e cansaço, sem falar nos inchaços. Porém, saber que as náuseas têm uma razão de ser faz com que todo o mal-estar fique em segundo plano.

Você que já é mãe, sofreu com náuseas durante a gravidez? O que pensa sobre a descoberta da ligação entre os enjoos e a inteligência das crianças? Comente!

_____________

Estudo afirma que enjoos na gravidez indicam que a criança terá um QI alto

Fique sempre por dentro das nossas postagens e se gostou da postagem “Estudo afirma que enjoos na gravidez indicam que a criança terá um QI alto”, não deixe de compartilhar com seus amigos nas redes sociais e também deixe um comentário aqui em nosso site com sua opinião e sugestões para outras postagens.

Curta e Compartilhe com seus amigos: @SÓ ESCOLA.


Estudo afirma que enjoos na gravidez indicam que a criança terá um QI alto
5 (100%) 1 vote[s]