Início Concursos Passo a Passo – Como criar um Plano de Estudos para passar...

Passo a Passo – Como criar um Plano de Estudos para passar em Concursos Públicos?

50
0
COMPARTILHAR
Como criar um Plano de Estudos para passar em Concursos Públicos? Os concursos públicos passaram a ser considerados como promissoras oportunidades para várias pessoas. Este fato está ligado a ideia de estabilidade profissional, salários justos e conforto trabalhista. Todos os anos são oferecidas diversas vagas em diversos nichos. 
A consequência disto é o alto número de buscas por uma vaga no setor público.
Passo a Passo - Como criar um Plano de Estudos para passar em Concursos Públicos?
Levando em consideração todos os benefícios oferecidas pelo emprego público é muito importante salientar que a dificuldade é maior que os benefícios. Alcançar uma dessas vagas se tornou um desafio, um objetivo a ser alcançado com bastante esforço e sacrifício, uma mudança a 360° na vida.

Tendo em vista os graus de dificuldade, resolvemos dar dicas para facilitar sua vida. Os conselhos a seguir tocam não só os caminhos para elaborar um bom plano de estudos para passar em concursos públicos como também aquelas “bizus” de efeito que ficará gravado na sua consciência e retornará naqueles momentos em que falta motivação, paciência e dinheiro.
Então, prepare-se para a leitura e disponha de bastante atenção nas palavras a baixo, pois certamente elas serão muito bem vindas em momentos cruciais de sua jornada.


Dicas e conselhos para passar em concursos públicos

Antes de mais nada vamos esclarecer um fato. A palavra de ordem quando se entra neste desafio é PERSISTÊNCIA! A sua motivação deve ser essencialmente o ato de estudar. Agora, que você já sabe dos princípios acompanhe nossas dicas de ouro para fazer a diferença em sua vida.

Foco no objetivo

Antes de se lançar o mundo dos concursos, decida qual profissão é aquela que fará com coração. Não adianta alcançar a vaga perfeita e passar anos da vida fazendo algo que não ama.

Estude muito detalhadamente o edital

Apenas estudar não é o bastante é preciso ser estrategista. Estude e esteja por dentro de todas as informações do edital em especial:
  1. Inscrições: Datas, requisitos sobre documentação são primordiais para já começar certo. Algumas bancas pedem que os documentos solicitados (quando solicitados) estejam ordenados em determinado modo. Obedeça! Pois pessoas são eliminadas apenas por descumprirem esta etapa.
  2. Critérios de eliminação: Conheça as nuances do edital que possa te favorecer. Seja advogado de si mesmo.
  3. Critérios de desempate: Saiba de que maneira você pode disparar à frente dos demais.
  4. Conteúdo Programático: Siga religiosamente o conteúdo programático, assunto por assunto. Não se perca em informações dispersivas, em geral cai nas provas apenas o previsto nos conteúdos programático estabelecido nos editais. Talvez algum conhecimento adjacente te ajude a compreender melhor a matéria, mas não se perca nele, volte rapidamente ao assunto original.
  5. Quesitos em negrito: Se está em negrito é porque é importante. Pense com a cabeça da banca!

Prepare o material de estudos

Ai vai a lista:
  • Edital;
  • Provas anteriores;
  • Apostilas, livros baseie-se pelo conteúdo programático. Apenas o necessário. Nunca encha a mesa de poluição visual, isto confunde a mente e causa desconforto;
  • Sites de confiança com conteúdos ricos e precisos de informação (não se esqueça do Canal do Ensino);
  • Simulados: estes são muito importantes e deves ser feitos periodicamente a fim de medir a evolução dos estudos;
  • Bizuradas: Selecione locais sérios para as bizuradas. Pode ser que você não disponha de dinheiro para cursinhos, tudo bem isto não é assim tão necessário, a confiança deve estar com você. Contudo, estes encontros são motivadores, enriquecedoras (no senso de aulas condensadas de informação valiosa)  e te coloca em contato com pessoas que vivenciam a mesma experiência que a sua.
  • Ambiente de estudo: Tendo em vista que você passará um tempo considerável nesta estância, prepare com muito amor seu cantinho dos estudos. Leve em consideração o conforto, silêncio e espaço para criatividade.

Revisão hoje, revisão amanhã, revisão sempre.

Isto deve se tornar regra: Revisar para fixar. Uma dica de ouro são os mapas mentais, temos certeza que depois de um mapa mental, o conteúdo jamais sairá de sua mente.

Desistir não é opção

Será difícil, mas um belo caminho em que o desafio é sobre si mesmo. Um conselho que podemos dar para que nunca te falte motivação é: Tá desanimado, estude. Alguém duvidou das tuas capacidades: estude. Bateu o desespero, estude. Neste período os estudes será antidoto de cura para tudo.

Festeje a vitória dos demais

Não faça da vitória dos outros motivo para decepção. Tenha sempre em mente que todos nós temos nossas histórias particulares e os nossos porquês. Não fique desanimado, o grande dia vai nascer e você perceberá a razão de tudo. Cada inicio, cada dia, deve ser um momento para estar contente com a própria melhora.
Se você achou esse conteúdo válido e gostaria de mais como este, não exite em curtir. Desta maneira teremos ciência de qual caminho devemos seguir para  satisfazer os seus interesses de leitura. Compartilhe com seus parceiros de concurso e também com os seus concorrentes, a capacidade está na interpretação das informações e o poder que você agrega a ela.
__________________________________
Está postagem foi retirado do CANAL DO ENSINO.
Postado por: Adriana Soares

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here