Início Artigos Educacionais O educador é porta-voz na construção social do aluno

O educador é porta-voz na construção social do aluno

73
0
COMPARTILHAR
A escola atual, apresenta-se como uma grande instituição de responsabilidades sociais na constituição entre o indivíduo e a sociedade. Além da escola transmitir conhecimento, ela também transmite cultura e precisa articular sobre a vida escolar e a vida cotidiana. O educador é o grande porta-voz na construção nesse diálogo, e necessita de preparação diante essa nova realidade.   
As práticas pedagógicas são mapas para os professores alcançar os seus objetivos. Se as práticas forem bem elaboradas e executadas, o resultado só tende a ser positivo. A ação educativa adotada deve respeitar as diferentes culturas presentes em sala de aula, e fazer com que os alunos confiem na potencialidade que possuem.
O educador é porta-voz na construção social do aluno
O educador é porta-voz na construção social do aluno
A práxis de aprendizagem contínua do educador, depende dos seus conhecimentos adquiridos pela sua formação na graduação e em cursos, como também da sua observação, dos alunos, da escola, enfim, da reflexão diária de todo o trabalho docente. A estruturação do saber ao longo da trajetória escolar do profissional é um percurso a ser cultivado todos os dias.

Percebemos muitas mudanças no sistema educacional, onde cursos, palestras, seminários, etc., estão sempre buscando novas perspectivas e exibindo novas medidas pedagógicas. A teoria é importante para a fundamentação teórica, ela é um dos pilares da educação, procurando sempre beneficiar os alunos. De acordo com SAVIANI (1985) o cientista está mais interessado em fazer avançar a sua área de conhecimento, em fazer progredir a ciência, enquanto o professor está mais interessado em fazer progredir o aluno. SAVIANI ainda discorre sobre o professor como organizador de processos e métodos, garantindo conhecimento ao aluno.
O educador é porta-voz na construção social do aluno
É fato que os educadores se deparam com obstáculos na profissão e encontrar uma solução irá depender de diversos fatores, como a postura adotada, a preparação acadêmica, experiência docente e, a imprescindível paixão pelo ensino. No trabalho coletivo, o choque de representações sujeita a cada um recorrer ao seu pensamento e a respeitar e aceitar o dos outros. O professor possui o papel de tornar essa troca de saberes a mais relevante possível, estimulando os alunos a expor suas ideias, emoções e anseios.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here