Início Deficiências 3 curtas que abordam a inclusão de crianças com deficiência

3 curtas que abordam a inclusão de crianças com deficiência

11
0
COMPARTILHAR

O respeito pela diversidade e o cuidado com o outro são valores que começam na infância, nos primeiros referenciais de mundo apresentados para a criança. Por isso mesmo é tão fundamental oferecer oportunidades de a criança perceber como as pessoas são únicas e como todas elas inspiram empatia. Histórias de ficção, tanto dos livros quanto de obras audiovisuais, podem ser fortes aliadas nesta missão. 

Por isso, o nosso parceiro Toda Criança Pode Aprender preparou uma lista de três curtas de animação que mostram crianças como protagonistas para falar sobre deficiência e inclusão. São histórias que propõem um olhar cuidadoso e sensível para as diferentes formas de ser e ver o mundo, e que podem ser utilizadas tanto como material educativo e inspirador em sala de aula quanto nos momentos de lazer com as crianças. Confira:

Entrar em contato com o desconhecido dá uma chance aos pequenos para que aprendam sobre as pluralidades, entendendo que as diferenças existem e estão aí para que sejam vistas e tratadas com respeito e naturalidade em quaisquer espaços. 

Créditos: Reprodução/Autismo na escola Que tal conversar sobre o assunto por meio de pequenos filmes, que mostram a realidade de pessoas portadoras de alguma deficiência, seus desejos, sonhos e vontades de interagir com o mundo, como qualquer um?

O presente 

Um garoto ganha de presente de sua mãe um filhote de cachorro. Mas, ao perceber a ausência de uma de suas patas, logo o rejeita e não se interessa por brincar com ele, continuando a jogar videogame. Aos poucos vai notando que mesmo sem uma das partes de seu corpo, o cão consegue correr a seu modo e o convida a fazer o mesmo.

Tamara 

Tamara é uma menina surda, que tem um interesse todo especial pela dança. Mesmo não podendo ouvir, sonha com as histórias que lê, dá rodopios pelo quarto com seu bichinho de pelúcia e se põe a admirar a bailarina que mora em sua caixinha de música, sentindo cada passo e movimento com a emoção daquilo que a toca.

Este é o ponto 

Produzido por duas adolescentes de 16 anos, “Este é o ponto” retrata as dificuldades encontradas por pessoas portadoras de necessidades especiais durante sua espera num ponto de ônibus. Stefanie e Rafaela (criadoras do curta-metragem) nos convidam a olhar com cuidado para as adversidades que fazem parte do cotidiano daqueles que não têm os mesmos privilégios para se locomover pela cidade. Confira:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here