CONFIRA: LISTA COM 1000 ATIVIDADES PRONTAS PARA IMPRIMIR

PROJETO: REEDUCAÇÃO ALIMENTAR



PROJETO: REEDUCAÇÃO ALIMENTAR
PROJETO: REEDUCAÇÃO ALIMENTAR
Olá amigos e amigas do SOESCOLA. Hoje trago para vocês este PROJETO sobre REEDUCAÇÃO ALIMENTAR voltado para crianças do Maternal 1º e 2° período. Este projeto foi enviado para nós por E-mail e os créditos estão no final da postagem. 
APRESENTAÇÃO:
Partindo do pressuposto de que a escola é um espaço propício para promover a saúde, a formação de valores e hábitos saudáveis (e entre eles o da alimentação), o projeto Reeducação Alimentar surge como um artifício a contribuir para conscientização de nossos alunos nas escolhas que envolvem sua alimentação.  Coletivamente, as crianças sentem-se motivadas a degustarem alimentos variados e saudáveis. Dessa maneira, o projeto fomentará a criação de bons hábitos de alimentação pelas crianças. Espera-se que, a fim de conferir amplitude ao projeto, as famílias espontaneamente participem do projeto ajudando com os “Para Casas” e enviando frutas nas datas estabelecidas pela professora. O projeto terá a duração de seis meses e todas as atividades em sala de aula serão voltadas para reeducação alimentar.

JUSTIFICATIVA
Ao observar a alimentação dos alunos durante seis meses, verifiquei  o excessivo consumo de comida industrializada de modo geral (salgadinhos, bolachas recheadas, etc.) e a ausência de frutas em suas lancheiras. Além de tal dieta constituir uma fonte pouco saudável de nutrientes, acredito que também contribuiu para a criação de uma resistência a frutas oferecidas pela escola. Cabe à escola reverter esse quadro por meio da introdução de novas variedades alimentares na própria alimentação oferecida aos alunos no horário do lanche.
O Projeto de Reeducação Alimentar se faz tão necessário considerando o elevado número de casos e doenças diretamente ligados aos maus hábitos de alimentação e higiene. Essa mudança de hábitos, incentivando o consumo de alimentos saudáveis e práticas higiênicas, contribuirá para o crescimento e boa saúde, missões de toda boa escola.
                                                                    
OBJETIVO GERAL:

Promover uma reeducação alimentar com o consumo de alimentos saudáveis, manter hábitos de higiene e a consciência de sua contribuição para a promoção da saúde de uma forma atraente, lúdica e educativa.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:
* Ampliar o vocabulário;
* Promover o consumo de frutas, legumes e verduras;
* Prover atividades que valorizem e aproximem as crianças dos alimentos com menor aceitação;
* Investigar a importância nutritiva dos alimentos e despertar o apreço por eles;
* Conhecer e identificar os diferentes tipos de alimentos;
* Entrar em contato com textos de gêneros distintos (lista de frutas/receitas);
* Observar as cores e sentir tanto os sabores quanto a textura dos alimentos;
* Conscientizar os alunos, por meio da informação do cardápio diário, da importância da boa alimentação sem desperdícios;
* Conhecer a necessidade da higienização dos alimentos e das mãos.

PÚLBLICO ALVO: 
Educação Infantil: Maternal 1º e 2° período 

ÁREAS: 
* Matemática, artes, linguagem oral e escrita, natureza e sociedade.

LINGUAGEM ORAL E ESCRITA: 
* Conversa em roda sobre a importância da ingestão de frutas, legumes, verduras e alimentos lácteos para a saúde, sobre a necessidade de higienizarmos os alimentos, sobre a existência de alimentos prejudiciais a saúde quando ingerido em excesso, etc.
* Fazer um levantamento dos conhecimentos prévios que a criança possui sobre o alimento (ex.: Banana – o que sabemos/ o que queremos saber/o que aprendemos);
* Contos;
* Poemas;
* Histórias;
* Adivinhas;
* Parlendas;
* Músicas;
* Letras iniciais.
 
MATEMÁTICA: 
* Gráficos;
* Quantidades;
* Contagem;
* Seriação:
* Classificação e agrupamento.

NATUREZA E SOCIEDADE: 
* Experiências;
* Observação da transformação dos alimentos em outros;
* Meio ambiente (produção dos alimentos);
* Nosso corpo (higiene nossa e dos alimentos);
* Importância dos nutrientes para o nosso organismo.

ARTES: 
* Artes com material reciclável;
* Confecção de fantoches dos alimentos;
* Produção de desenhos com interferência e sem interferência;
* Disponibilização de frutas, legumes e verduras para manipulação livre; 
* Trabalho com massa de modelar;
* Confecção de painéis.

CULINÁRIA: 

* Produção de pratos. Ex: Salada de frutas e sucos;
* Criação de receitas saudáveis.

TRABALHO COM OS PAIS: 
* Incentivo à participação com o objetivo de estimular o envio, por parte dos pais, de frutas e legumes;
* Pesquisas enviadas para a casa;
* Envio de receitas saudáveis para a construção do livro de receitas.

PRODUTO FINAL: 

* Cada criança levará para a casa um livro de receitas;

* Encenação de uma peça teatral sobre o tema.

* Uma produção de texto coletiva escrita pelo educando para o portfólio.

* Um livro para o portfólio

A AVALIAÇÃO 

Será efetuada durante todo o decorrer do projeto por meio de observação e registros feitos pelas professoras, pelas conversas e questionamentos na hora da rodinha de conversa.

ANEXOS/DICAS DE ATIVIDADES:
Atividades a serem realizadas no decorrer do desenvolvimento do projeto:
– Roda da conversa, inicialmente com a apresentação dos alunos.
Questionar o que os alunos comeram no café da manhã e no almoço.
Na hora do lanche, observar com os alunos o que está sendo servido. Listar o que foi consumido na sala de aula.
– Retomar os produtos consumidos no dia anterior e pedir que os alunos copiem as palavras correspondentes aos nomes de tais alimentos escritas no quadro pela professora. Posteriormente,  fazer a leitura coletiva.
 – Organizar, em parceria com os alunos, uma pesquisa com os pais no que diz respeito ao cardápio do dia seguinte (e isso inclui artigos como balas, doces, refrigerantes, sucos, etc.)
 – Comparar as pesquisas e quantificar os iguais.
Numa roda da conversa, mostrar para os alunos a importância de se alimentar com produtos naturais ; frutas, legumes e sucos.

 – Usando ainda a pesquisa, separar o saudável do não saudável. Os alunos farão o registro da relação.

 – “Dia do pão com manteiga”.
Lançar as perguntas ao grupo: De onde vem a manteiga ?
Onde é feito o pão ?
Procurar em jornais e revistas as letras que formam a palavra PADARIA e colar em espaços pré determinados.
– Elaborar um jogo da memória com frutas que serão xerocadas e pintadas pelos alunos.
Recortar e colar em cartolina.
– Deixar que os alunos manuseiem o jogo, trabalhando assim a forma das frutas, a cor, tamanho e seus nomes.
– Identificação a primeira letra de nomes próprios ( alunos) com as frutas. Registrar.
– Direcionar aos alunos questões que envolvam cálculos, como:  “tenho dois alunos que querem comer maça, mas só tenho uma maça. O que devo fazer ?”
- Separar as frutas de acordo com o sabor, frutas com caroço, grande, pequena.
 – Trazer para o grupo os legumes.
De posse dos legumes, comentar a origem dos alimentos, os benefícios que trazem para nossa saúde ( froça, crescimento, energia,…)
– Recortar e colar num mural alimentos encontrados na feira livre. Classificá-los em frutas, legumes e verduras.
– Criar em sala de aula, com o auxílio dos alunos, um “ Cantinho da receita”, a fim de fáceis executar as de menor complexidade.
– Transcrever receitas : salada de frutas, sucos naturais, vitaminas de frutas.
– “Fazendo histórias”
Fazer e colorir rostinhos de alimentos com papel e palitos de sorvete: maçã, feijão, cebola, cenoura,…
Com os personagens criados, elaborar coletivamente uma história.
Com a história criada, fazer a dramatização com os personagens.
– Perguntar na roda da conversa se o grupo sabe como nasce o feijão. A partir dos resultados, propor e realizar uma experiência que possibilite visualizar e registrar as etapas do crescimento do feijão ( trabalhar: português e matemática com as anotações dos procedimentos).
– Atividade “ Salada de letras”.
Atividade que estimula a identificação e realocação correta de letras em posições erradas para as palavras correspondentes ao desenho dado pela educadora.
 – Atividade “ Dividindo minha merenda “
Criar situações culminem no desenvolvimento da noção de divisão matemática e compartilhamento entre os alunos.
– De posse de figuras geométricas previamente desenhadas, pedir aos alunos que colem, por exemplo, um feijão dentro do círculo um, dez grãos de arroz dentro do triângulo, entre outros.
– Por agrupamento, ligar as frutas ao numeral correspondente.
- Dar início ao fechamento do projeto com um dia de brincadeiras: dança da maçã e mordida na fruta pendurada.
- Exposição dos trabalhos desenvolvidos com a presença dos alunos, a fim de explicar os painéis.
Créditos: PROFESSORA "Regina Esméria de Morais"

COMENTE pelo Facebook:

Postagens Relacionadas

Próximo
Anterior

0 comentários:

Acompanhe !!

Conteúdo para Estudantes, Pais e Professores.

Exercícios, Atividades Educativas, Alfabetização infantil, Atividades Infantis, Atividades Lúdicas, Atividades para Imprimir, Atividades Pedagógicas, Atividades para Professores, Artesanato, Artigos Educacionais, Autismo, Berçário, Moldes para Imprimir, Datas comemorativas, Maternal, Folclore, Planos de Aula, Sequências Didáticas, Planos de Aula, Livros Infantis, Início Ano Letivo, Desenhos para colorir, Imagens Educativas, Notícias sobre os Vestibulares e Enem, Monografias e mais.