CONFIRA: LISTA COM 1000 ATIVIDADES PRONTAS PARA IMPRIMIR

Avaliação Nacional da Alfabetização será aplicada a 2,5 milhões de estudantes



Foto: Cesar Brustolin/Prefeitura de Curitiba
A terceira edição da Avaliação Nacional da Alfabetização (ANA) deve envolver 2,5 milhões de alunos do 3º ano do Ensino Fundamental das escolas públicas brasileiras, em 2016.
A estimativa foi anunciada na segunda-feira (3), durante a abertura da capacitação dos coordenadores estaduais, que ocorre até esta terça-feira (4) no Rio de Janeiro.

As provas da ANA serão realizadas de 14 a 25 de novembro para avaliar a proficiência dos estudantes em leitura, escrita e matemática. Mais de 44 mil pessoas estarão envolvidas na aplicação, que ocorre nas próprias escolas onde os alunos cursam o ensino fundamental.
A capacitação dos 62 coordenadores estaduais de logística, representantes das secretarias estaduais de educação das 27 unidades federativas, prepara esses colaboradores para repassarem os processos para os subcoordenadores estaduais e coordenadores de polo de aplicação.
Esses, por sua vez, capacitam os aplicadores. Todos passam ainda por um treinamento em plataforma de ensino a distância. O objetivo é preparar as equipes que lideram a realização da ANA em cada Estado, reforçando a importância de coletar os dados de modo correto, padronizado e oportuno.

Inovação e inclusão
A ANA 2016 inova no acesso a instrumentos de inclusão. Segundo o Censo da Educação Básica, cerca de 6 mil alunos têm necessidades especiais que serão atendidas nesta edição por meio de ensalamento diferenciado, provas superampliadas e em braile, além de provas traduzidas para vídeo libras.
Esse mesmo recurso está previsto também para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a partir de 2017. As crianças terão ainda acesso a profissionais especializados, como ledores, transcritores e guia-intérprete, dependendo de sua deficiência.
Segundo Eunice Santos, diretora de gestão e planejamento do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), autarquia do Ministério da Educação responsável pela avaliação, esse esforço é fundamental para garantir o diagnóstico da alfabetização brasileira.
"A ANA é um dos mais importantes instrumentos para a gestão das políticas de educação no Brasil. Precisamos garantir que nossas crianças aprendam a ler e a escrever na idade adequada", defende.
Segundo Luana Bergman, coordenadora-geral de Exames e Certificação da Diretoria de Avaliação da Educação Básica do Inep, os últimos resultados da ANA, referentes a 2014, apontam o desafio brasileiro para elevar a qualidade da educação ofertada desde os primeiros anos de escolarização, uma vez que a alfabetização é um dos pilares fundamentais para que as crianças possam dar continuidade plena às aprendizagens nas etapas seguintes de suas vidas.
A ANA faz parte do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) e foi realizada pela primeira vez em 2013, em uma edição piloto. Houve uma segunda edição em 2014 e este ano será a terceira vez que os alunos passarão pelas provas.
O consórcio aplicador da edição de 2016 é composto pela Cesgranrio, Fundação Getúlio Vargas (FGV) e Centro de Apoio à Educação a Distância (Caed).
Fonte: Portal Brasil, com informações do Inep

COMENTE pelo Facebook:

Postagens Relacionadas

Próximo
Anterior

0 comentários:

Acompanhe !!

Conteúdo para Estudantes, Pais e Professores.

Exercícios, Atividades Educativas, Alfabetização infantil, Atividades Infantis, Atividades Lúdicas, Atividades para Imprimir, Atividades Pedagógicas, Atividades para Professores, Artesanato, Artigos Educacionais, Autismo, Berçário, Moldes para Imprimir, Datas comemorativas, Maternal, Folclore, Planos de Aula, Sequências Didáticas, Planos de Aula, Livros Infantis, Início Ano Letivo, Desenhos para colorir, Imagens Educativas, Notícias sobre os Vestibulares e Enem, Monografias e mais.