Início Planejamento de Aula PLANO DE AULA – Samira vai ao parque ecológico

PLANO DE AULA – Samira vai ao parque ecológico

11
0
COMPARTILHAR
PLANO DE AULA - Samira vai ao parque ecológico
PLANO DE AULA – Samira vai ao parque ecológico
Sugestão de Projeto para ser aplicado ao
trabalhar o livro:
“Samira vai ao parque ecológico” 

O projeto trabalha os
animais selvagens e domésticos, estudando suas diferentes espécies: mamíferos,
aves e répteis. De cada espécie estuda: características físicas, hábitos de
vivência e alimentares, habitat, utilidade e relação com o homem.

Justificativa:
O livro “Samira vai ao Parque Ecológico” pode ser
um ponto de partida para um estudo sobre as diferentes espécies de animais. Daí
o surgimento dessa proposta de estudo que justifica esse projeto. Nele, o
professor poderá trabalhar a diversidade de situações que vive cada espécie
animal.
Os animais têm uma grande importância no mundo
cotidiano das crianças, pela sua presença através de histórias, desenhos
animados e por todos os lugares da vida por onde andam, levando a criança a
possuir um caráter de identificação de suas vivências pessoais e sociais. O
projeto leva à aprendizagem do conhecimento ao respeito com os animais, que são
seres vivos importantes para o nosso planeta e para o homem, como componentes
da Natureza.
Com esse projeto, o professor pode explorar a
necessidade da adoção de um animal doméstico, para que ele tenha uma vida saudável,
com cuidados especiais na sua saúde, alimentação e abrigo.
Através das Referências Curriculares para a
Educação Infantil e o Programa Curricular do Fundamental, trabalharemos nesse
projeto, a habilidades e competências referentes ao tema Animais.
Objetivos gerais:
  1. Conhecer
    diversas espécies de animais, não somente o da história, mas também outros
    selvagens e os domésticos. Dependendo do ano da turma, o professor pode
    ampliar o conhecimento da turma, estudando os animais marinhos, os
    insetos, etc.
  2. Reconhecer
    que os animais são seres vivos, respeitando, valorizando e protegendo-os.
  3. Levar
    a criança a preservar a Natureza e refletir sobre o risco de extinção dos
    animais, conscientizando às crianças a participar dos cuidados com nosso
    Planeta.
Objetivos específicos:
  1. Definir
    suas principais características, comparando diferenças e semelhanças,
    através da observação.
  2. Saber
    distinguir selvagens de domésticos.
  3. Diferenciar
    vertebrados de invertebrados.
  4. Saber
    identificar úteis de nocivos.
  5. Distinguir
    diferentes formas e tamanhos de animais, lembrando seus nomes e sons
    vocais.
  6. Conhecer
    as diversidades entre os animais como : locais onde vivem (habitat), sua
    alimentação, seus hábitos e outras peculiaridades relativas a cada
    espécie.
  7. Conhecer
    a importância da correta alimentação dos animais para a manutenção da sua
    saúde.
  8. Reconhecer
    as utilidades dos animais para os seres humanos.
Desenvolvimento:
O trabalho deverá ser desenvolvido através de
atividades que satisfaçam os objetivos acima descritos em comunhão com os objetivos
do Currículo, abaixo discriminados.
De que modo aprenderemos?
  1. desenvolvendo
    a linguagem e enriquecendo o vocabulário.
  2. desenvolvendo
    a criatividade.
  3. desenvolvendo
    a expressão corporal e a coordenação motora.
  4. desenvolvendo
    a percepção dos 5 sentidos: visão, audição
  5. tato,
    paladar e odor.
  6. desenvolvendo
    o pensamento lógico, construindo conceitos matemáticos: maior e menor,
    alto e baixo, igual e diferente, número, classificação e sequenciação.
  7. conhecendo
    as diferentes cores.
  8. identificando
    diferentes texturas.
  9. construindo
    de texto coletivo.
  10. distinguindo
    as diferenças e semelhanças entre os animais e as pessoas.
  11. treinando
    diversas formas de movimento como: andar, correr, pular, rastejar, nadar.
  12. identificando
    e imitando sons dos animais.
  13. ampliando
    as possibilidades de pesquisa.
Metodologias / Estratégias:
Todo o projeto será trabalhado através de livrinhos
de histórias sobre animais, pesquisas, desenhos, modelagem com massa e/ou
argila, maquetes, pinturas, recorte e colagem, dobraduras, jogos e trabalhos de
comunicação com estruturação de palavras, frases e textos, poesias e, como
rotina, leitura compartilhada diária sobre o tema gerador. Exercícios com
conceitos matemáticos e de ciências. Também trabalharemos a Filosofia com
reflexão sobre temas envolvendo problemas com os animais. Ainda farão parte das
nossas estratégias de trabalho, filmes, brincadeiras, vídeo, músicas, ritmo,
usando palmas e alguns instrumentos de bandinha, expressão corporal e gestual
na dramatização e no teatro. Com essas atividades mostraremos às crianças a
riqueza e a diversidade no mundo animal.
Habilidades:
  • Experimentar
    o contato com pequenos animais.
  • Observar
    as características dos animais que pertencem ao seu cotidiano.
  • Estabelecer
    relações entre as diferentes espécies dos seres vivos e suas necessidades
    vitais.
  • Perceber
    os cuidados necessários à preservação da vida e do ambiente.
Sugestões de atividades:
1ª sugestão:Diariamente, o professor poderá ler uma
pequena história ou alguma poesia ou ensinar alguma música ou então trazer
alguma novidade sobre o tema gerador. Registrar no “blocão” para que seja
utilizado a qualquer momento, durante o desenrolar do projeto
2ª sugestão: Abrir uma discussão filosófica sobre o
tema. Ex: Animais abandonados
3ª sugestão: Conversa informal com os alunos, a
partir de uma novidade trazida para iniciar qualquer parte do tema gerador. Ex:
Animais domésticos e selvagens. Propor questionamentos.
  • Vocês
    têm animais em casa?
  • Quais
    os cuidados com esses animais?
  • Qualquer
    animal pode ser criado em casa?
  • O
    leão, por exemplo, por que não pode ser criado em casa?
  • Esses
    animais moram na floresta, na selva. Quem sabe como eles são chamados?
Segue uma atividade de pesquisa com revistas para
serem recortadas e coladas figuras de animais domésticos e selvagens em duas
folhas distintas. Expor no mural da sala de aula.
Em seguida, a professora faz uma lista, na lousa,
dos animais encontrados pelos alunos. Eles, dependendo do nível da classe,
poderão copiar a lista no caderno e seguir com um trabalho de separação de sílabas
ou outro.
4ª sugestão: A professora que faz um trabalho
diversificado com seus alunos de pré-escola, poderá convidá-los a sentar em
mesas com atividades diferentes e ali trabalharem no desenho ou no recorte e
colagem, ou na pintura ou na massinha ou na dobradura, o bichinho que mais
gostam. A professora deverá ter uma prática com esse trabalho de modo que
consiga dar atenção a cada criança dos diferentes grupos. A criança, após o
trabalho pronto, será convidada a mostrar aos colegas, dizendo o nome do
“bichinho” e por quê ele é de sua preferência.
5ª sugestão:
  • Aula
    de recreação:
     A
    professora escolhe alguns animais e pede aos seus alunos que façam
    imitação através de gestos. Ex: macaco, galinha, galo, sapo, gato
    cachorro, vaca, etc.
  • Aula
    de música: 
    A
    professora deverá ensinar algumas músicas que falem de “bichinhos” e
    trabalhar com eles uma coreografia para ser dançada.
  • Aula
    de recreação:
     A
    professora arruma a turma em círculo e combina com os alunos que irá
    passar uma bola, ao som de uma música. Quando tirar o som da música, o
    aluno que estiver com a bola, não pode passá-la adiante. A professora
    mostrará a figura de um animal e esse aluno deverá dizer tudo que sabe
    sobre ele.
6ª sugestão: Conversa informal sobre alimentação
dos animais.
Serão lançadas algumas perguntas:
  • De
    que se alimentam os animais que você tem em casa?
  • Os
    animais que você conhece comem o mesmo alimento?
  • O
    leão e o elefante são animais selvagens. Porém leão é “carnívoro” e o
    elefante é herbívoro. Alguém sabe por quê?
  • Você
    conhece mais algum animal selvagem que seja carnívoro? E um herbívoro?

  • animais que se alimentam tanto de carne como de vegetais. Como são
    chamados esses animais?
  • Vocês
    podem citar algum?
A seguir podem ilustrar o animal que desejarem e
dizerem se é carnívoro, herbívoro ou onívoro.
7ª sugestão:
Batata quente: A turma deverá estar organizada em
círculo e, ao som de uma música, irá passar uma caixa fechada com gravuras de
animais. Quando a música cessar, a criança que estiver com a caixa, pegará uma
das gravuras e falará sobre as características do animal. No decorrer da
atividade, serão feitos comentários comparando diferenças e semelhanças entre
as gravuras tiradas.
Depois, nas mesas, serão distribuídos alguns tipos
de jogos para cada grupo de 4 crianças. Ex. encaixe, dominó, quebra-cabeça,
sete erros e mico preto. Todos dentro do tema Animais.
8ª sugestão:
Telefone sem fio: As crianças dispostas uma ao lado da
outra, em linha reta. A professora dirá no ouvido da primeira uma pequena frase
com 3 palavras (sujeito, verbo e predicado), de modo que fale de animal. Cada
criança deverá repassar a frase. A última dirá a frase, em voz alta que ela
ouviu. Esta será comparada com a primeira, dita pela professora. Este exercício
demanda atenção e mostra que “quem conta um conto, pode aumentar ou diminuir um
ponto”.
9ª sugestão: No computador da escola, no programa
“paint” sugerir às crianças desenharem animais de espécies diferentes.
Culminância:
1ª opção – Para os bem pequeninos (Creche ou
Maternal)
 :Poderá ser
realizada uma mostra dos trabalhos na creche, aberta para pais e responsáveis,
visitarem e incentivarem o trabalho realizado pelos seus filhos, estimulando-os
à criação. Uma visita ao Zoológico ou ao Parque onde as crianças tenham contato
com animais.
2ª opção – Para o Infantil:
Apresentação para os pais
“FESTA DOS BICHOS” – Com cenário de floresta,
máscaras variadas e roupinhas tipo camisolão, os pequeninos poderão acompanhar
uma música, brincando de roda e fazendo um caracol ou apresentando uma outra
coreografia ou uma pequena dramatização feita pela professora. Poderá fazer
parte do cenário uma mesa com um álbum tipo sanfona contendo uns 10
trabalhinhos deles feitos durante o desenvolvimento do projeto. Importante
lembrar que na faixa etária dessas crianças, a “pintura a dedo” deverá ser uma
constante no dia a dia. Para encerrar uns comes e bebes com os pais e
responsáveis (cada um com sua criança).
3ª opção: Para o Infantil e para crianças do 1º e 2º
anos do Fundamental pode ser feito um trabalho final bem parecido, com poucas
modificações, pela idade das crianças.
Excursão num Zoológico da cidade terminando com um
gostoso piquenique. Ou após a visita aos animais do Zoológico, as crianças
fazem uma pintura com tinta guache, ao ar livre, do animal que mais lhe atraiu.
Caso o parque do Zoológico tenha “parquinho” para as crianças brincarem, é
também uma boa opção de diversão para elas.
Ou assistirem, no cinema, um filme com direito a
pipoca e guaraná.
4ª opção: Enquanto que para o 3º e 4º anos precisa de
algumas adaptações mais marcantes, podendo esse exemplo servir como base do
produto final. Mesmo assim dependerá da criatividade do professor da turma. Eu
colocaria encenação de uma peça de teatro ou um jogral ou pequenas poesia para
serem declamadas ou cantadas em duplas, etc. Ou visita a um Zoológico de São
Paulo. Neste caso, a excursão (com lanche) sairia mais longa e deveria ser
incluída a presença de um dos responsáveis pela criança, para evitar maiores
problemas para e escola.
Conteúdos envolvidos: Animais , Natureza, Sociedade
Avaliação: Os projetos transformam a avaliação em um
processo contínuo à realidade cotidiana da sala de aula. Portanto, durante todo
o projeto os alunos serão avaliados mediante a observação constante do
professor. Como instrumento de avaliação podemos observar:
  • Comportamento
    da criança
  • Hábitos
    nos trabalhos
  • Relacionamento
    com colegas e professor
  • Capacidade
    de cooperação
  • Interesse
  • Atenção
  • Participação
  • Envolvimento
    nas atividades
  • Atitudes
    positivas ou negativas com relação aos trabalhos escolares
  • Trabalhos
    ou pesquisas produzidas espontaneamente
A avaliação deve buscar entender o processo de cada
criança e a significação que cada trabalho comporta. A observação do grupo,
além de diária e constante, deve fazer parte de uma atitude sistemática do professor
dentro do seu espaço de trabalho.
Caso haja necessidade, o professor fará uma
retomada de conteúdos, conforme as necessidades diagnosticadas.
Anexos:
1ª Sugestão:
Trabalhos com diversos origamis de animais.
Pesquisar na internet, modelos de outros animais em
outros sites.
2ª Sugestão: Com saco de papel, confeccionar
máscaras de animais diversos.
3ª Sugestão: Com caixa de leite, confeccionar
animais.
4ª Sugestão:Uma criança ou mesmo a professora que tenha
um animal calmo, que possa ser levado para a escola e ser observado na rodinha
com os alunos. Exemplo: pássaro, coelho, jabuti, tartaruga.
Obs.: Cachorro e gato não são aconselháveis porque
podem morder ou arranhar, devido a movimentação das crianças, eles ficam muito
estressados, não sendo também bom para eles.
A seguir pode ser feita uma produção de texto
coletiva, falando do animal que veio para visita.
5ª Sugestão:
  • Desenhar
    8 animais: alguns da ilustração do livro “Samira vai ao Parque Ecológico”
    ou outros que a professora desejar.
  • Colocar
    um retângulo em branco, abaixo de cada desenho.
  • Desenhar
    8 retângulos no final da folha.
  • Escrever
    em cada um deles, algumas características dos animais desenhados.
  • A
    criança, ao identificar o animal à sua característica, recortará o
    retângulo com a característica escrita.
  • A
    seguir irá colar em cima do retângulo em branco que estiver abaixo do
    animal de acordo com a característica correta. Ex:  Penas – Bico –
    Pelos – Mama – Pele lisa – Dois pés – Escamas – Asas – etc
6ª Sugestão – Para grupo de crianças maiores:
Reescrita de pequenas histórias contadas pela
professora em sala de aula ou redação: Tema “Passeio no Zoológico”. Dependendo
do nível da turma.
7ª Sugestão – Trabalhando músicas:
  • A
    Foca de Vinicius de Moraes e Toquinho
  • O
    Pato de Vinicius de Moraes, Toquinho e Paulo Soledade
8ª sugestão: Todas as crianças deverão ter seus trabalhos
expostos em paredes apropriadas e murais. O professor deve comentar o que há de
melhor no que a criança fez, mesmo tendo sido muito pouco, incentivando sempre
a fazer cada vez melhor.
Professora: “Incentivar e valorizar o
desempenho do aluno é abrir caminho para mais um cidadão vitorioso na vida.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here