Início Planos de Aula PLANO DE AULA E ATIVIDADES: ” A JOANINHA QUE PERDEU SUAS PINTINHAS”

PLANO DE AULA E ATIVIDADES: ” A JOANINHA QUE PERDEU SUAS PINTINHAS”

4
0
COMPARTILHAR

PLANO DE AULA E ATIVIDADES: ” A JOANINHA QUE PERDEU SUAS PINTINHAS”

Descrição:
Este planejamento apresenta a história “A Joaninha que perdeu suas pintinhas”, de Ducarmo Paes e interessantes atividades de alfabetização para as crianças exercitarem a decodificação e o reconhecimento global das palavras.
Conteúdos:
§         Leitura e compreensão textual.
§         Gênero Textual.
§        Decifração e reconhecimento global da palavra.
§         Análise fonológica.
Competências e habilidades:
Competência: Ler e compreender Gêneros Textuais Diversos.

Habilidade: Reconhecer as diferentes classes de palavras e suas funções no texto e no discurso.
Sequência Didática:
1ª parte: Apresentação da história: “A Joaninha que perdeu suas pintinhas”:

Organize a sala de aula de forma a criar um ambiente aconchegante para se ouvir histórias. Inicie uma conversa sobre a história para que as crianças construam expectativas com relação ao conto que irão ouvir: “Alguém da classe já perdeu algum objeto querido ou outra coisa? O quê? Como fez para recuperar? Vamos agora ouvir a história de uma joaninha que perdeu as pintinhas das suas asas. O que lhe terá acontecido? Será que ela conseguiu recuperar suas pintinhas?” Conte a história para as crianças de forma envolvente e expressiva. Converse com as crianças sobre a história, recontando-a coletivamente. Peça às crianças que identifiquem partes do texto que contam o motivo que levou Joaninha a voltar ao rio e como ela conseguiu recuperar as pintinhas das asas.

2ª parte: Descubras as palavras!

Apresente às crianças as fichas com palavras destacadas do texto. Coloque-as no quadro ou mural: “Algumas palavrinhas fugiram do texto. Vamos descobrir que palavrinhas são estas?” Distribua a folha com a lista de palavras apresentadas para cada criança. Peça a elas que, em dupla, tentem identificar as palavras. Entregue, em seguida, a folha com as figuras correspondentes às palavras para que as crianças possam com apoio das imagens decifrar as palavras, utilizando diferentes estratégias como a identificação de sons iniciais e finais da palavra, de sílabas ou palavras conhecidas. 
Entregue às crianças a folha com o texto lacunado da história “A Joaninha que perdeu as pintinhas”. Convide as crianças para encontrar os lugares de cada palavrinha “que está perdida”. Leia novamente a história para as crianças, fazendo pausa diante dos espaços lacunados para que as crianças identifiquem, pelo sentido do texto, qual é a palavra que falta e a escreva no espaço em branco.

3ª parte: Silabário

Distribua para as crianças o quadro de sílabas para que elas desenvolvam a atividade individualmente ou em dupla. Dite cada palavra do item da atividade: JOANINHA, RIO, CASA, NATUREZA, SAPATO, GAIVOTAS, FORMIGA, SIRI. Peça às crianças que identifiquem e pintem as sílabas das palavras e que as escrevam nas linhas abaixo do quadro.
Detalhe das atividades:
Desenvolver capacidades de decifração é fundamental no processo de alfabetização e letramento. A decodificação é um procedimento utilizado pelo leitor para identificação das relações entre grafemas e fonemas. É esse processo de análise que faz com que, tanto o leitor iniciante quanto o leitor maduro, consigam ler palavras que nunca foram vistas antes.

Outro procedimento que ajuda na compreensão e na formação de atitudes favoráveis ao ato de ler é o reconhecimento global de palavras, sem atenção aos componentes internos, como fonemas e sílabas. Esse procedimento favorece uma leitura rápida com acesso imediato ao significado porque permite que o leitor não se detenha em fragmentos como “sons” e nomes de letras.
Proposta de Integração:
As atividades propostas podem ser integradas em projetos de trabalho que envolvam literatura infanto-juvenil, teatro, produção de textos e expressão corporal.
Avaliação:
Avalie durante as atividades e no final do trabalho:

• A participação e o envolvimento do grupo e de cada aluno em todas as etapas das atividades; 
• O envolvimento e o gosto pela leitura; 
• A capacidade da turma e de cada criança em decodificar palavras;
• A capacidade da turma e de cada criança em ler palavras de forma global.

Elabore, durante todo o ano, atividades que envolvam decodificação, análise fonológica e inferência lexical. Faça as anotações sobre os resultados avaliados e os considere na organização das próximas atividades.
Referências:
§          BATISTA, Antônio Augusto Gosmes et al.  Planejamento da alfabetização.  Belo Horizonte: Ceale/FaE/UFMG, 2005.
§          BRASIL. Pró-Letramento: Programa de Formação Continuada de Professores dos Anos/Séries Iniciais do Ensino Fundamental: alfabetização e linguagem. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria da Educação Básica, 2008. 364 p.
§           KLEIMAN, ÂNGELA. Aprendendo palavras, fazendo sentido: o ensino do vocabulário nas primeiras séries. In: Desenvolvendo a língua falada e escrita (organizado por Maria Tasca). Porto Alegre, Sagra, 1990.
§          TEBEROSKY, Ana; COLOMER, Teresa.  Aprender a ler e a escrever.  Porto Alegre: Artmed, 2003. 
Materiais:
Xerox das atividades.
Papel ofício.
Caderno, lápis, borracha.
Quadro, giz ou pincel.

JOGO: AS PINTAS DA JOANINHA

AS PINTAS DA JOANINHA


* MATERIAL NECESSÁRIO: 1 TABULEIRO E 1 DADO PARA CADA JOGADOR; 20 PINTAS PARA CADA JOGADOR.

 * NÚMERO DE PARTICIPANTES: 2.

* COMO JOGAR:

1. CADA JOGADOR LANÇA SEUS DADOS AO MESMO TEMPO E AQUELE QUE OBTIVER A MAIOR QUANTIDADE PEGA ESSA QUANTIDADE DE PINTAS E COLOCA SOBRE AS PINTAS DA JOANINHA.

2. SE A QUANTIDADE SORTEADA FOR A MESMA PARA OS DOIS JOGADORES, OS DADOS DEVEM SER LANÇADOS NOVAMENTE.

3. O OBJETIVO DO JOGO É SER O PRIMEIRO A COBRIR TODAS AS PINTAS DA SUA JOANINHA. MAS, ATENÇÃO! NO FINAL, É PRECISO TIRAR NO DADO A QUANTIDADE EXATA DE PINTAS QUE AINDA NÃO FORAM COBERTAS. POR EXEMPLO, SE FALTAR APENAS UMA PINTA, É PRECISO TIRAR A QUANTIDADE 1 NO DADO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here